Va al Ejemplar actual
PNUMAPNUD
Edición Impresa
MEDIOAMBIENTE Y DESARROLLO
 
Inter Press Service
Buscar Archivo de ejemplares Audio
 
  Home Page
  Ejemplar actual
  Reportajes
  Análisis
  Acentos
  Ecobreves
  Libros
  Galería
  Ediciones especiales
  Gente de Tierramérica
                Grandes
              Plumas
   Diálogos
 
Protocolo de Kyoto
 
Especial de Mesoamérica
 
Especial de Agua de Tierramérica
  ¿Quiénes somos?
 
Galería de fotos
  Inter Press Service
Principal fuente de información
sobre temas globales de seguridad humana
  PNUD
Programa de las Naciones Unidas para el Desarrollo
  PNUMA
Programa de las Naciones Unidas para el Medio Ambiente
 
Ecobreves

 
 

VENEZUELA: “Adote” um tubarão

CARACAS.- Uma fundação científica venezuelana propõe a “adoção” de tubarões como forma de arrecadar fundos destinados à pesquisa e manejo da espécie, no arquipélago de Los Roques, uma das áreas de cria mais importantes do Mar do Caribe. Os interessados em se converter em padrinho de um bebê de tubarão devem pagar US$ 11 por ano. Em troca, “poderão colocar o nome de sua preferência no animal, que estará previamente marcado, e receberão informações sobre as modificações do tamanho e peso do afilhado”, explicou Rafael Tavares, coordenador da iniciativa. O Programa de Conservação de Tubarões, que a Fundação Científica Los Roques iniciou em 1995, tem por objetivo ampliar o conhecimento sobre as 21 espécies que habitam o arquipélago venezuelano e controlar as operações de captura.

 
 

CHILE: Empresas investem em meio ambiente

SANTIAGO.- Entre março e agosto deste ano as empresas privadas chilenas dos setores mineral, sanitário, energético e de vinicultura destinaram US$ 60 milhões ao desenvolvimento da “produção limpa”, uma “quantia sem precedentes”, afirmaram as autoridades.

O aumento se deve a uma norma que obriga as sociedades anônimas a incluir em seus relatórios financeiros os recursos destinados ao investimento ambiental. Os investimentos chilenos em proteção e recuperação ambiental equivalem a 1% do produto interno bruto: US$ 300 milhões do setor público e US$ 140 do setor privado, disse Gianni López, diretor da Comissão Nacional do Meio Ambiente.

 
 

COSTA RICA: UICN apresenta novo site

SAN JOSÉ.- A organização União Mundial para a Natureza (UICN) criou uma página especial na Internet dedicada a promover o enfoque de gênero a projetos de desenvolvimento sustentável.

A iniciativa, pioneira entre as organizações conservacionistas do mundo, pretende difundir informação prática sobre como incorporar o enfoque de gênero em projetos de agricultura, água, biodiversidade, desastres naturais e pobreza, entre outros. O site é o seguinte: www.generoyambiente.org ou www.genderandenvironment.org.

 
 

REGIONAL: Avaliação e aplicação de protocolo

SANTIAGO.- Especialistas da América Latina e do Caribe se reunião entre os dias 16 e 18 de setembro, em Santiago do Chile, para analisar os avanços da região na erradicação das substâncias responsáveis pelo aumento do buraco da camada de ozônio.

Segundo o Protocolo de Montreal (1987), os países em desenvolvimento têm prazo até 2010 para substituir o clorofluorocarbonos (CFC) e os halons, e até 2015 para eliminar o brometo de metilo. O encontro coincide como o Dia Internacional da Preservação da Camada de Ozônio, celebrado no dia 16. Para saber mais, entre no site: www.tierramerica.net/.



* Fonte: Inter Press Service.


Copyright © 2001 Tierramérica. Todos los Derechos Reservados