PNUMA PNUD
Va al Ejemplar actual
Edição Impressa
MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO
English Version Versión en Español
Buscar Archivo de ejemplares  
 
  Home Page
  Reportagens
  Análise
  Destaques
  Ecobreves
  Galeria
  Gente de Terramérica
                Grandes
              Nomes
   Entrevistas
  ¿Quem somos?
  Inter Press Service
Principal fonte de informação sobre temas globais de segurança humana
  PNUD
Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento
  PNUMA
Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente


Galeria
M a u r i c i o   R a m o s


Milhares de quilômetros com uma câmera na mão

Pela Redação do Terramérica

MÉXICO.- O fotógrafo Mauricio Ramos cruzará o México a pé, da fronteira com os Estados Unidos até a Guatemala, em uma difícil aventura de 3,1 mil quilômetros e cinco meses, durante a qual espera obter grande quantidade de imagens da natureza e de sua gente.

Acompanhado de seu cachorro e cerca de 40 quilos de peso em câmeras fotográficas, equipamento de camping e alimentos, Ramos iniciará sua caminhada na primeira semana de outubro para realizar o que chama de "um grande desafio físico e mental" com o objetivo de mostrar que "os sonhos podem ser realizados".

Experiente viajante e fotógrafo de aventura e da natureza, e integrante da equipe de fotografia do Terramérica, este mexicano de 36 anos já atravessou o país de bicicleta. Entre agosto de 2001 e março de 2002, percorreu 7.625 quilômetros, do balneário de Cancún, no Caribe mexicano, até Cabo San Lucas, no extremo noroeste do país. Nessa primeira viagem fez quatro mil imagens das paisagens do México. Caminhando, poderiam ser mais, e seguramente diferentes, pois agora seu objetivo é "conviver com as pessoas que encontrar pelo caminho e retratá-las", disse o artista ao Terramérica.

O trajeto consistirá de caminhadas com uma média de 30 quilômetros por dia, embora sua meta seja a de ter jornadas de até cem quilômetros. Dormirá muitas vezes "na mata", sob o teto de sua barraca de camping, mas também espera que algumas pessoas que conhecer lhe dêem pousada. Ramos começará sua viagem na fronteira do México com os Estados Unidos, no Estado de Tamaulipas, e terminará ao cruzar o Estado de Chiapas, rumo à Guatemala. O fotógrafo utilizará um reboque especial para transportar seu equipamento, incluindo a comida de seu cachorro.

Como ocorreu em sua aventura de bicicleta, Ramos espera chamar a atenção de instituições educacionais privadas e de organizações não-governamentais, muitas das quais o convidaram para dar palestras sobre suas experiências. "Se me convidam, ótimo. Se posso ser um exemplo de realização dos sonhos, ali estarei", afirmou.

     




Copyright © 2007 Tierramérica. Todos os Direitos Reservados